Quinta-feira, 30 de Maio de 2013
agora xa dis dói-dói

 

agora xa dis dói-dói.

 

a min, logo de caer no recreo,

botábanme líquidos escuros,

(sempre mestres de bigote).

é por iso que aprendín a berrarpupa

.

e xa ves:

choramos no mesmo idioma.

 

***

 

alicia fernandez

 

*


lido em: http://www.poesiagalega.org/uploads/media/2010_festival_cond

publicado por carlossilva às 05:19
link do post | comentar | favorito
|

Segunda-feira, 11 de Fevereiro de 2013
de botar o mar polos ollos

 

De botar o mar polos ollos,

que ocorra nunha cidade

onde a orientación desapareza

e os xogos de nena non existan.

Onde as cores verdes estean preto

- uns metros é suficiente .

e as mans de millo apreten as ideas

(ou as tetas)

Onde ti sexas procura.

Onde ti (me) habites.

 

***

 

alicia fernandez rodriguez

 

*


lido em: Botar O Mar Pollos Ollos

publicado por carlossilva às 13:06
link do post | comentar | favorito
|

Sábado, 6 de Março de 2010
no areal este corpo é de cebas:

as mans de millo percórrenme

limpas

núas

salgadas,

sempre co movemento en espiral

como as ameixas que levo no pelo.

  Se a marea alta non me viola

boto o océano todo polos ollos.

 

***

alicia fernández rodríguez

(escairón, galiza, 1987)

 


lido em: Botar o mar polos ollos

publicado por carlossilva às 11:59
link do post | comentar | favorito
|

Quarta-feira, 9 de Dezembro de 2009
invernadoiro

 

1
A lúa está case ausente.
Reflíctome en rectángulos,
xa pensas no meu marrón.
É o momento
das froitas exóticas e a choiva
de invernadoiro.
Estes pés violando o chan.

2
Desaparécelle o algodón,
as curvas móllanme o sono
e o convexo da transparencia
cégame no tempo vertical.

Numeriños de mandarina
nesa cor metalizada.
(Eles non entenden invencións).

As primeiras rodas.
“Agárrense”.
Comezo da viaxe.

3
Ábreme a porta dos freos de man,
os futbolistas de mentira,
as saias con vocais pintadas...
Cheira o cemento a escuridade;
os meus beizos no cristal non estoupan,
as mans de papel derraman o cabelo.

Fanme rir as cartas do almorzo.

Verdes imaxinados, na rúa.
Créote perdido e só.

4
Agachada,
(coma min no futuro próximo)
e co neno nos xeonllos, pídeme o tempo;
mastigo a néboa
troco os minutos exactos pola
chegada do branco horizontal.

Dóbrome no granito.
Beizos apagados.

5
Primeira humidade-mínima.
Ás veces esperto así de rápido.

Orientación nula.

-Podemos desorientarnos máis...

Íspese a rúa para nós,
imos na procura de verdes non imaxinados.
O peso invéntase,
as mans son disléxicas.

6
Case todo é estreito.
Non teñen interese agora as letras.

Penéirame así.
Só o cemento espiándonos,
(e algún que outro conductor).
Papilas gustativas mesturándose;
as túas, as miñas...

Ruído de cremalleira.

7
Subida infinita.
Podo tropezar, e mancarme,
e logo tes que levarme ao médico,
e ti vas a estar alí, mirando,
e el vaime poñer un líquido escuro
pero non verde. E non quero.
Eu quero o teu verde ou o da subida.

Cólleme no colo.

 

***
alicia fernandez rodriguez

 

************************************

 


lido em: http://incomunidade.blogspot.com

publicado por carlossilva às 12:24
link do post | comentar | favorito
|

Segunda-feira, 13 de Abril de 2009
ou saber que o sal é necesario

Ou saber que o sal na cidade é necesario.

Que as nosas pálpebras son ondas

E que os pas(e)os violan ao verbo bicar.

Que non temos faros na pel

E que este banco é case o daquel Setembro.

 

   Que hoxe, despois de todo, quérote máis.

 

***

Alicia Fernandez Rodriguez (1987)

Escairón – Galiza

**********************************

 

    Ou saber que o sal na cidade é necessário.

Que as nossas pálpebras são ondas

E que os pass(ei)os violam o verbo beijar.

Que não temos faróis na pele

E que este banco é quase o daquele Setembro.

 

   Que hoje, depois de tudo, quero-te mais.

 

[trad: cas]


lido em: Botar o mar polos ollos

publicado por carlossilva às 00:48
link do post | comentar | favorito
|

mais sobre mim
agenda
18 de abril 2013 19 de abril 2013
Junho 2013
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1

2
3
4
5
6
7
8

9
14
15

18
19
20
21
22

23
24
25
26
27
28
29

30


posts recentes

agora xa dis dói-dói

de botar o mar polos ollo...

no areal este corpo é de ...

invernadoiro

ou saber que o sal é nece...

arquivos

Junho 2013

Maio 2013

Abril 2013

Março 2013

Fevereiro 2013

Janeiro 2013

Dezembro 2012

Novembro 2012

Outubro 2012

Setembro 2012

Agosto 2012

Julho 2012

Junho 2012

Maio 2012

Abril 2012

Março 2012

Fevereiro 2012

Janeiro 2012

Dezembro 2011

Novembro 2011

Outubro 2011

Setembro 2011

Agosto 2011

Julho 2011

Junho 2011

Maio 2011

Abril 2011

Março 2011

Fevereiro 2011

Janeiro 2011

Dezembro 2010

Novembro 2010

Outubro 2010

Setembro 2010

Julho 2010

Junho 2010

Maio 2010

Abril 2010

Março 2010

Fevereiro 2010

Janeiro 2010

Dezembro 2009

Novembro 2009

Outubro 2009

Setembro 2009

Agosto 2009

Julho 2009

Junho 2009

Maio 2009

Abril 2009

Março 2009

Fevereiro 2009

Janeiro 2009

Dezembro 2008

Novembro 2008

Outubro 2008

Setembro 2008

Agosto 2008

Julho 2008

Junho 2008

Maio 2008

Abril 2008

Março 2008

tags

a m pires cabral(4)

adelia prado(5)

adilia lopes(8)

al berto(6)

alba mendez(4)

albano martins(4)

alberte moman(8)

alberto augusto miranda(9)

alexandre teixeira mendes(11)

alfonso lauzara martinez(8)

alice macedo campos(13)

alicia fernandez rodriguez(5)

almada negreiros(4)

amadeu ferreira(8)

ana luísa amaral(6)

ana marques gastao(4)

andre domingues(5)

andreia carvalho(4)

antonio barahona(5)

antonio cabral(5)

antonio gedeao(5)

antonio ramos rosa(7)

anxos romeo(4)

ary dos santos(5)

augusto gil(4)

augusto massi(4)

aurelino costa(11)

baldo ramos(6)

bruno resende(5)

camila vardarac(9)

carlos drummond de andrade(5)

carlos vinagre(13)

cesario verde(4)

concha rousia(4)

cristina nery(5)

cruz martinez(9)

daniel filipe(5)

daniel maia - pinto rodrigues(4)

david mourão-ferreira(6)

elvira riveiro(8)

emma couceiro(4)

estibaliz espinosa(7)

eugenio de andrade(8)

eva mendez doroxo(8)

fatima vale(10)

fernando assis pacheco(4)

fernando pessoa(5)

fiamma hasse pais brandão(5)

florbela espanca(7)

gastão cruz(5)

helder moura pereira(4)

ines lourenço(6)

iolanda aldrei(4)

jaime rocha(5)

joana espain(10)

joaquim pessoa(4)

jorge sousa braga(6)

jose afonso(5)

jose carlos soares(4)

jose gomes ferreira(4)

jose luis peixoto(4)

jose regio(4)

jose tolentino mendonça(4)

jussara salazar(6)

luis de camoes(5)

luisa villalta(4)

luiza neto jorge(4)

maite dono(5)

manolo pipas(6)

manuel alegre(6)

manuel antonio pina(8)

maria alberta meneres(5)

maria do rosario pedreira(5)

maria estela guedes(7)

maria lado(6)

maria teresa horta(5)

marilia miranda lopes(4)

mario cesariny(5)

mia couto(8)

miguel torga(4)

nuno judice(8)

olga novo(17)

pedro ludgero(7)

pedro mexia(5)

pedro tamen(4)

raquel lanseros(9)

roberta tostes daniel(4)

rosa enriquez(6)

rosa martinez vilas(8)

rosalia de castro(6)

rui pires cabral(5)

sophia mello breyner andressen(7)

suzana guimaraens(5)

sylvia beirute(11)

tiago araujo(5)

valter hugo mae(5)

vasco graça moura(6)

virgilio liquito(5)

x. m. vila ribadomar(6)

yolanda castaño(10)

todas as tags

links
leitores
pesquisar
 
visitas
Free counter and web stats
blogs SAPO
subscrever feeds